quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

POVO DE SUCUPIRA!

Resumão bem legal de fim de ano.

Existe um bom motivo para colocar "modelo novo" de "papel moeda" no mercado.
E talvez e só talvez não seja este que esta na mídia:

Vejamos:

Nicholas Oresme (vamos falar o que ele disse em seu livro escrito no ano 1.377, somente na condição de bispo blz?).

Corpénico pode explicar melhor sobre Nicholas Oresme hehehe. (foi cola dele)

"É escandaloso e desonronso para um principe permitir que o dinheiro do seu reino não tenha valor fixo, flutuando dia a dia.... Em consequência dessas alterações, as pessoas ficam frequentemente sem saber quanto vale uma moeda de ouro ou prata, de forma que tem de discutir tanto sobre o seu dinheiro como sobre os seus salários, o que é contrário à natureza. E o que devia ser tido como certo se torna incerto e confuso, O total de ouro e prata de um reino decresce nos paises em que a desvalorização é praticada.... Em consequência das alterações e reduções deixam de vir dos paises estrangeiros boas mercadorias para os paises onde sabem que o dinheiro é mau. Além disso, no próprio pais onde essas modificações ocorrem o intercâmbio de mercadorias é de tal forma pertubado que mercadores e artesões não sabem como negociar entre si"

Continua.... " Há três modos de obter lucros com dinheiro, além de seu uso natural. O primeiro é a arte da troca, a guarda ou movimentação do dinheiro; o segundo é a usura; e o terceiro é a alteração do dinheiro. O primeiro é vil, o segundo é mau e o terceiro é pior ainda"

Vejamos o que ocorreu com nossa moeda desde os primódios do século.

Caiu a ficha aí?

Quem manda é a rainha! na moeda, quem manda é ela.

Vamos segui-la?

Como disse algum tempo, lá quando ocorreu (posso assim dizer) a primeira cessão onerosa sobre Brasilia x Bolivia (estado do acre), foi ela quem teve o poder de negociação.

IBOV se subir, já estamos dentro, se cair, sabemos a hora de sair.

Saimos em 71.989, entramos quando ocorreu a precessão (équinócio).

Vale lembrar que:

Existe:

CORREÇÃO 1/3
RETRAÇÃO 2/3

Já explicado aqui também.

Quem faz AT e não entender contabilmente o que é correção e retração, vale a pena pesquisar sobre assunto.

A "precessão" esta e sempre estará na frente destes dois.

O principio da incerteza é cruel aos nossos olhos!


Nenhum comentário: